Arquivos Mensais: maio 2010

O Merchandising – Parte 2

Textura

O caminho para criar um clima mais agradável no display de produtos em novelas/filmes tem encontrado novos rumos, na exposição de marca. O exercício do aprimoramento talvez estivesse não apenas na linguagem e técnica da cena, mas em rever o formato como todo. O conceito de programas de auditório, criados especialmente para demonstrar produtos e vendê-los em massa na TV,

Ler mais

O Merchandising – Parte 1

Textura

O merchandising televisivo, ou Tie In, é uma atividade de atitude de marca que tem se tornado fonte de penetração da mensagem, de forma crescente em novelas e filmes. Nas ações em TV há uma relação mista entre os personagens e os atores que endosam a marca. Contudo, a teoria não é réplica da prática, havendo no país uma “rejeição”

Ler mais

Consumidor Digital

Textura

O consumidor se torna, efetivamente, o personagem principal. Ganha voz na comunicação e espaço como sujeito influenciador, fundamentalmente nos direitos como consumidor, ditando microtendências. Vemos um reflexo natural disto em marcas monitorando, na internet, o que seu consumidor pensa e fala sobre ela. Vemos estrelas imediatas, saídas de redes sociais, como força do sujeito comum interessado pelo sujeito comum. Fortes

Ler mais

Dados Secundários x Redes

Textura

A pesquisa por dados secundários ganha força no digital com a interatividade das redes sociais e blogs. Com acesso atualizado constantemente por usuários de perfis diferentes, com inputs de dados pessoais, as redes se tornam cada vez mais específicas, seja por faixa etária ou por afinidade profissional ou interesses pessoais. Pode‐se compreender esses braços da comunicação como uma fonte de dados gratuita e

Ler mais

Crescimento de uma “C”lasse econômica

Textura

O crescimento da economia brasileira, principalmente nos últimos 5 anos, tem permitido fortalecimento de linhas de crédito aos consumidores e empresas brasileiras. O consumo interno brasileiro está se consolidando, mesmo diante da quebra econômica mundial, em 2008, com reflexos fortíssimos em 2009, a ponto de ser uma das principais justificativas de sustentação da economia do país. Um efeito que permitiu o acesso da

Ler mais